domingo, 22 de novembro de 2009

Sobrancelhas - Parte 2

Só quem já teve uma sobrancelha depilada de maneira errada e teve que deixar os pêlos nascerem de novo para corrigí-las, sabe o quanto isso é irritante...
A expressão parece distorcida e a falha na sobrancelha parece gritar do espelho, como que não permitindo que a esqueçamos.
Bom, eu já fui uma vítima e, como designer de sobrancelhas, conheço muitas de nós que passamos por isso.
Sendo assim, a sobrancelha com hena e a maquiagem são sempre uma boa saída.
Para aquelas que optarem pela hena, procure um bom profissional.
Para aquelas adeptas à maquiagem, segue abaixo algumas dicas:

  1. "A maquiagem sempre pode ajudar no desenho das sobrancelhas, existem cosméticos especiais para isso, que são excelentes para preencher falhas, aumentar volume, fazer correções e realçar sobrancelhas ralas ou finas demais. Normalmente pincel e sombra têm melhor efeito do que o lápis. Fica mais natural e pode ser usado o dia inteiro que não sai nem borra. Prefira o pincel "chanfradinho" que já tem o formato adequado e facilita a correção.
  2. As loiras devem optar por um tom bege, ruivas devem usar um tom alaranjado; morenas devem usar um tom cinza e as negras devem usar um tom marrom. Adote sempre um tom mais claro que os pêlos para deixar as sobrancelhas mais naturais. Evite o preto. O acabamento preto só é recomendado para mulheres negras, mesmo assim deve ser feito com cuidado. O lápis utilizado deve ser seco para não escorrer caso haja transpiração.
  3. Pinte sempre dentro dos pêlos, nunca em cima. Você vê onde é a falha e despeja a sombra, mas com cuidado para a aparência não ficar carregada
  4. Falhas mais gritantes e difíceis de corrigir podem ser amenizadas penteando-as e selando com uma máscara incolor (a mesma utilizada para cílios). Adotar um corte de cabelo com franja ajudar a disfarçar."

sábado, 7 de novembro de 2009

Sobrancelhas - parte 1


Uma das minhas grandes paixões é o Design de Sobrancelhas!
As sobrancelhas tem a capacidade de mudar a expressão de maneira incrível: se bem modelada, é capaz de valorizar qualquer olhar, mas se mal feita, assassina qualquer visual.
Elas são delicadas e um fio fora do lugar compromete todo o resultado final.
Além disso tudo, "acabar" com suas sobrancelhas é algo muito fácil, basta tirá-las de maneira errada por algumas vezes e pronto, os fios já não nascem mais comprometendo todo o design.

Sendo assim, inicio hoje um pequeno estudo sobre sobrancelhas, lembrando que, pelo poder que elas tem sobre sua beleza, sempre vale a pena procurar um profissional...

CRESCIMENTO DAS SOBRANCELHAS E RELAÇÃO COM A IDADE
O processo de depilar as sobrancelhas pode acarretar, com o passar do tempo, a perda definitiva dos pêlos, por culpa da agressão ao bulbo capilar. Cada fio tirado cresce novamente, mas este processo tem limites. O bulbo pode ir ficando mais fraco, machucar e o pêlo pode demorar meses ou até um ano para voltar ao normal. Ou pode morrer e nenhum outro nascer no lugar.
É comum em determinadas áreas da sobrancelha que sempre são depiladas, a partir de uma certa época não nascer mais pêlos, e nunca mais precisar de intervenção naquele ponto. Encarado desta forma, este fato pode parecer uma vantagem. Mas se a rarefação acontecer no ponto errado, a falha é definitiva.
Os pêlos demoram uns 15 dias para crescerem de novo e, portanto, esta deve ser a freqüência de retorno da cliente à profissional de depilação. Assim a sobrancelha não perde o formato.
Os erros mais comuns são tirar os pêlos em excesso, deixar uma maior do que a outra, arquear demais, afinar muito, encurtar (tirar alguns fios a mais no início ou no fim), afinar de repente (essa redução na espessura tem que ser gradual, sem ficar evidente).
Pêlos das sobrancelhas podem demorar muitos meses para crescer quando são muito arrancados. Uma sobrancelha com falhas precisa de tempo. Esperar pelo crescimento dos pêlos para eliminação de falhas pode demorar até um ano. Muitas vezes, para consertar uma sobrancelha que foi depilada sem critério, é preciso trabalhar nela de quinze em quinze dias até acertá-la. Isso pode levar seis meses.
Outro cuidado importante é saber respeitar a sua idade e a necessidade de sua sobrancelha, cada faixa etária tem seus cuidados especiais:
  • Para começar a dar forma às sobrancelhas o ideal é que os cuidados comecem aos 13 anos, junto à um profissional muito bem qualificado. Nesta fase, como a face ainda não se modificou, é feito só um trabalho de modelagem e correção de pequenos defeitos. Este cuidado deve permanecer até pelo menos os 20 anos, que é quando o rosto finalmente toma formas mais estáveis.
  • Dos 20 aos 40, a modelagem é fundamental para manter uma harmonia no rosto, valorizando os traços já definidos e proporcionando um visual adequado para a vida social e profissional da pessoa. O uso da Hena é algo opcional, somente para preencher possíveis falhas já provocadas por erros anteriores, ou somente para valorizar as formas já existentes e facilitar o dia-a-dia na questão de maquiagem.
  • Dos 40 aos 50 anos (algumas pessoas iniciam esse processo por volta dos 35 anos), inicia-se o processo da pintura nas sobrancelhas, uma vez que os fios brancos começam a surgir, tanto nas mulheres quanto nos homens. Os fios devem ser cortados para não crescer desorganizadamente; se forem retirados com erros, crescerão com buracos e falhas. Por isso, segurem seus impulsos e não arranquem seus fios brancos! Procure uma profissional e faça a tintura ou a hena de maneira adequada.
  • Já para quem tem mais de 50 anos, o trabalho é muito mais minucioso, por apresentar mais fios brancos e existir a flacidez na pele. A face já se modificou com o tempo e a sobrancelha já saiu do lugar. Nesta fase, a sobrancelha definitiva se torna uma boa opção.
  • A menopausa (devido à diminuição hormonal) também conduz a um real caso de rarefação.

Se você se encontra com as sobrancelhas já danificadas pelos erros cometidos, não perca na próxima postagem, dicas para superar o tempo exigido para consertá-las, pois este processo exige tempo e disciplina... e um bom profissional, claro!
Então, até a próxima!

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Argila Rosa - Tratamento com argila (parte 5)

Depois de postar receitas de máscaras caseiras que usam a argila, acredito que faltou apresentar mais uma opção para voces: a argila rosa!

Ideal para peles cansadas e sem viço. Vitaliza a pele, devolvendo a luminosidade natural , aumentando a circulação, absorvendo toxinas e hidratando a pele.
A Argila Rosa é a mais suave de todas as Argilas, até mesmo mais do que a branca, pois é a mistura da Argila Branca com a Vermelha. É indicada para peles sensíveis, delicadas, com vasinhos e rosácea (peles super delicadas e sensíveis, que inspiram muito cuidado), pois possui ação desinfetante, suavizante e emoliente.
Tem propriedades cicatrizantes e suavizantes. Por ser extremamente suave pode ser usada todos os dias sem ressecar a pele, é recomendada para peles desidratadas e delicadas. Auxilia na queima e na drenagem de celulite e gorduras localizadas.
A Argila Rosa além dos benefícios da Argila Branca, possui grande poder tensor indicada nos tratamentos de flacidez tissular, combate à desestruturação do tecido conjuntivo devido aos sinais de envelhecimento, reidrata a pele, combate os radicais livres.

Agora é só usar!
Ocorreu um erro neste gadget